×

O que o tratamento de resíduos agrega à meta de reciclagem?

O que o tratamento de resíduos agrega à meta de reciclagem?
Avalie este post

tratamento de resíduos agrega à meta de reciclagem

O tratamento de resíduos agrega à meta de reciclagem, pois, em razão da pressão regulatória, o mercado tem valorizado muito as companhias que se mostram mais eficientes do ponto de vista ambiental. E, sendo assim, as empresas estão ambicionando para si, metas cada vez mais agressivas quando o assunto é reciclagem. 

Muitos resíduos que ficam de fora da meta, podem ser inclusos caso sejam tratados previamente para, posteriormente serem enviados até a destinação final. Conheça. 

Saiba mais: como montar uma empresa de reciclagem em 7 passos.

Como a meta de reciclagem de uma empresa é definida?

tratamento de resíduos agrega à meta de reciclagemToda empresa ativa gera resíduos. Desde o empresário individual que trabalha no escritório de sua casa até a grande indústria de alta complexidade, todos geram algum tipo de resíduo em maior ou menor grau.

Antes de ser uma decisão de mercado, a opção pela reciclagem é um posicionamento humano de cada gestor, uma vez que sua atividade gera, de uma forma ou de outra, algum impacto ambiental.

A meta de reciclagem nas empresas maiores geralmente é definida por setor, já que há itens com tratamento obrigatório e outros que apresentam bastante valor agregado.

Já nos empreendimentos menores, a meta de reciclagem é feita de forma mais arbitrária, de acordo com a capacidade dos gestores em encontrar soluções efetivas para os resíduos produzidos.

Uma forma interessante de se definir a meta de reciclagem da empresa é através dos benchmarks, assim, é possível utilizar resultados e números já obtidos por outras empresas como padrões.

A partir daí é só subir a meta cada vez mais, tendo como alvo a eficiência total. Para obter um benchmark, procure os números de reciclagem de empresas que atuem no mesmo setor que a sua.

tratamento de resíduos agrega à meta de reciclagem

Por que é importante que a empresa tenha uma meta de reciclagem?

tratamento de resíduos agrega à meta de reciclagem

A maior parte das empresas pode ter seu programa de sustentabilidade ambiental reduzido a três fatores: eficiência energética, baixa emissão de poluentes e reciclagem dos resíduos produzidos.

Quem controla estes três fatores está no caminho certo para um programa de sustentabilidade de alto nível.

A meta de reciclagem é portanto, o fator de gestão que permite à empresa a mensuração de sua eficiência em relação à produção e destinação adequada dos resíduos (um dos três fatores chave).

Sem uma meta de reciclagem, o desempenho da empresa neste quesito ficará à mercê da percepção individual dos gestores, o que certamente resultará em ingerência.

tratamento de resíduos agrega à meta de reciclagem

Qual atribuição legal para as metas de reciclagem das empresas?

tratamento de resíduos agrega à meta de reciclagem

De acordo com a legislação brasileira, alguns produtos não podem ser descartados ou enviados a aterros, sendo assim (ainda que de forma indireta), sua meta de reciclagem acaba sendo de 100% para as empresas.

Um exemplo é o caso dos pneus, as indústrias deste tipo de produto precisam praticar a logística reversa, reinserindo o material na cadeia produtiva. Também é o caso das baterias, que não podem ser descartadas ou enviadas a aterros sanitários.

Não existe uma meta de reciclagem legal para as empresas, mas como dissemos, alguns produtos acabam exigindo a meta de 100%. Há também o caso dos materiais que, por terem elevado valor de mercado exigem altas metas de reciclagem, como é o caso dos metais, que são enviados a indústrias para reinserção na cadeia produtiva.

Quais resíduos de alimentos podem ser colocados na composteira?

Em que o tratamento de resíduos agrega à meta de reciclagem?

As metas de reciclagem são mais facilmente alcançadas quando há o tratamento de resíduos na empresa. Neste sentido, o tratamento de resíduos agrega à meta de reciclagem quando ele permite que menos materiais sejam descartados dentro do mesmo processo.

Um tipo de tratamento que agrega bastante valor à meta de reciclagem é a separação e identificação dos resíduos.

Quando a empresa separa corretamente, identifica e trata de forma superficial seus resíduos, ela viabiliza seu acúmulo e venda para organizações recicladoras.

Já as organizações que não separam os materiais, depreciam seu valor de mercado e em muitos dos casos, inviabilizam a reciclagem, já que o contato com gorduras e matéria orgânica acaba levando ao descarte no lixo comum.

Como as ferramentas modernas podem auxiliar na meta de reciclagem?

tratamento de resíduos agrega à meta de reciclagem

Hoje existem ferramentas modernas que podem auxiliar as empresas no alcance de suas metas de reciclagem. Uma delas é o VG Resíduos, software desenhado especificamente para empresas que precisam realizar o gerenciamento dos resíduos produzidos por sua operação.

O software administra a geração por áreas, por processos e por operações. Ele permite a instauração de dezenas de indicadores e fornece relatórios de gestão para o acompanhamento das metas, além de certificados de destinação final que serão apresentados aos órgãos de fiscalização ambiental.

De forma geral, o software automatiza o processo de gestão de resíduos da empresa, dando ao gestor as informações necessárias para suas intervenções.

Qual a diferença entre coleta seletiva e logística reversa?

Como encontrar parceiros que auxiliem a bater metas de reciclagem?

tratamento de resíduos agrega à meta de reciclagem

Outro ponto que precisa ser tratado é a obtenção de parceiros para a reciclagem dos resíduos produzidos pela empresa. Afinal de contas, não adianta tratar os resíduos internamente, se não há ninguém para recicla-los com eficiência.

Uma ferramenta que se propõe a resolver o problema da localização de parceiros é o Mercado de Resíduos. O software que funciona em nuvem integra geradores a tratadores de resíduos.

Na plataforma é possível cadastrar os resíduos que se planeja vender, daí pra frente basta aguardar os lances dos tratadores e realizar a venda àquele que tiver a melhor oferta.

Uma vantagem da plataforma é que ela avalia antes as licenças de cada tratador, de forma que só podem dar lances, as empresas habilitadas a tratar o resíduo ofertado.

O tratamento de resíduos certamente agrega valor à meta de reciclagem, já que ele permite que ela seja mais facilmente alcançada e que os resultados financeiros da venda de resíduos sejam aumentados pela empresa.

É importante no entanto, que seja feita uma gestão acurada e responsável desta atividade, já que a destinação executada de forma inadequada pode trazer riscos à empresa, pois se o material for enviado à centros de reciclagem não habilitados e houver algum tipo de problema, a firma poderá ser responsabilizada solidariamente.

Gostou desse assunto ou acha ele relevante? Compartilhe nas redes sociais ou deixe seu comentário abaixo.

Mas quer se aprofundar um pouco mais a respeito? Leia outro artigo do nosso blog: Sete bons motivos para incluir a logística reversa de resíduos

tratamento de resíduos agrega à meta de reciclagem

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

© VG Residuos Ltda, 2018