Sistema B na indústria têxtil: qual importância neste setor?

Curtiu este post?

Avaliação: 0.0/5

02/08/2021

Sistema B na indústria têxtil

O Sistema B na indústria têxtil contribui para que as organizações desse setor sejam mais transparentes, conscientes e atuantes. O movimento Sistema B é uma iniciativa global, que tem como intuito estimular as organizações a redefinirem seu modelo de negócio, não tendo como objetivo principal apenas a obtenção de lucros, mas também o valor entregue no âmbito social e ambiental.

Dessa forma, empresas que são signatárias do movimento, bem como avaliadas e certificadas com a certificação B Corp, são organizações que se posicionam de forma adequada quanto a sustentabilidade, levando em consideração os impactos sociais e ambientais que geram, além de se comprometerem a reduzir ou gerenciar esses impactos.

Veja abaixo o que abordaremos neste artigo:

Quer conhecer um pouco mais sobre o tema? Acompanhe!

Agende uma demonstração Online

Sistema B na indústria têxtil: o que é? por que é importante?

Sistema B na indústria têxtil

O movimento Global Empresas B foi criado em 2006, nos Estados Unidos, e chegou ao Brasil em 2012, por meio do Sistema B Brasil,responsável pelo engajamento, divulgação e promoção local de todo movimento B em todo país e na América Latina.

Como proposta, o Sistema B visa redefinir o capitalismo, por meio da transformação das empresas com boas práticas voltadas à sustentabilidade. A centralidade desse movimento está em chamar a atenção das empresas para os impactos que geram sobre o meio ambiente e a sociedade, avaliando o seu desempenho e reconhecendo àquelas organizações que adotam práticas inovadoras e sustentáveis em seu segmento de negócio.

Nesse sentido, no que se refere às indústrias têxteis, esse modelo de negócio é potencial gerador de impactos sociais e ambientais em toda a sua cadeia produtiva, uma vez que envolve atividades desde o plantio de matéria-prima, até a distribuição e consumo final dos produtos. É importante ressaltar também que, no processo produtivo dessas empresas, algumas fases envolvem o descarte de resíduos perigosos, o que faz necessária uma maior atenção ao acondicionamento, transporte, tratamento, disposição e destinação final desses resíduos.

Logo, é de extrema importância que as empresas do segmento têxtil busquem modelos de gestão e certificações, como a Certificação B Corp, que auxiliem essas organizações a gerirem seus impactos negativos e impulsionarem o valor que geram para a sociedade.

Sistema B na indústria têxtil: há diferença?

Sistema B na indústria têxtil

Para uma organização ser certificada pela B Lab, organização sem fins lucrativos que é responsável pela acreditação da Certificação B Corp, ela deve passar pela Avaliação de Impacto B (BIA), disponível de forma online e gratuita, atingindo, no mínimo, 80 pontos.

A depender do segmento de negócio de cada empresa, são feitas perguntas específicas no formulário de cada uma das dimensões na Avaliação de Impacto B (BIA), uma vez que a grande maioria dos impactos sociais e ambientais gerados está diretamente relacionado com o tipo de atividade desenvolvida na cadeia produtiva de cada organização, bem como com a adoção de boas práticas já consolidadas no setor.

Como uma empresa da indústria têxtil pode ser certificada?

Dentre as etapas para uma empresa da indústria têxtil obter a certificação estão: completar a Avaliação de Impacto B (BIA);

  1. Nesta etapa, a responsável pela organização deve realizar o cadastro da empresa na ferramenta de Avaliação de Impacto B (BIA) e responder os questionário de cada uma das dimensões: Governança, Trabalhadores, Clientes, Comunidade e Meio Ambiente.
  2. enviar sua Avaliação de Impacto B (BIA) para revisão;
  3. esperar na fila de avaliação;
  4. passar pela avaliação;
  5. esperar na fila de verificação;
  6. passar pela verificação;
  7. realizar o pagamento da taxa anual;
  8. cumprir os requisitos legais de uma Empresa B.

É necessário também que as empresas cumpram alguns requisitos como:possuir mais de 12 meses de operação e adicionar as Cláusulas B aos seus documentos.

Quais benefícios e vantagens para as empresas deste setor?

Sistema B na indústria têxtil

Ser uma empresa B pode trazer diversas vantagens para as organizações de uma forma geral, assim como benefícios específicos para as organizações de cada setor. Quanto a indústria têxtil pode-se citar:

  • acesso a uma ferramenta consolidada para mensuração do desempenho social e ambiental da organização;
  • análise comparativa da sua organização quanto às demais empresas do setor, por meio dos relatório emitidos pelo Sistema B para cada setor;
  • acesso a boas práticas do seu segmento de negócio;
  • melhoria contínua dos processos;
  • redução de impactos sociais e ambientais, o que pode trazer diversas vantagens como
  • redução de desperdícios, gerenciamento adequado da matéria-prima e dos resíduos gerados, engajamento com stakeholders;
  • fortalecimento da marca quanto à práticas inovadoras e sustentáveis.

No Brasil, existem apenas onze Empresas B do segmento têxtil, ou seja onze organizações que receberam esse reconhecimento, dentre elas estão: Reserva, Detalhar, Movin, EcoSimple Tecido Sustentável. Contudo, é crescente a sensibilização dos consumidores quanto a empresas com práticas sustentáveis, assim, ser reconhecido por um movimento tão consolidado como o Sistema B pode representar uma vantagem competitiva expressiva.

Qual sua importância e como interfere na Gestão Ambiental e Gestão dos Resíduos?

As certificações são um instrumento relevante para impulsionar as organizações a buscarem boas práticas relacionadas a um determinado assunto, como no caso da Certificação B Corp, à gestão ambiental e à sustentabilidade.

Nesse sentido, quando uma organização investe em adequar-se para receber esse reconhecimento e usufruir de todas as vantagens previamente descritas, essa empresa também investe na sua área de gestão ambiental e sustentabilidade, implementando práticas inovadoras e reduzindo significativamente os impactos negativos que gerava no meio ambiente e na sociedade.

Ademais, no caso da indústria têxtil, um potencial impacto que esse segmento pode gerar é a contaminação do solo e da água, em virtude da destinação final inadequada dos resíduos gerados em seu processo produtivo. Esse desajuste pode ser minimizado, uma vez que a organização se compromete com ações de boas práticas ambientais, bem como com a avaliação e divulgação do seu desempenho ambiental.

Como a VGR, como um software de gestão ambiental, pode auxiliar o Gestor Ambiental?

Sistema B na indústria têxtil

O processo para obtenção de uma certificação, como a do Sistema B na indústria têxtil, envolve diversas etapas, bem como adequações de processos, como no caso do gerenciamento adequado dos resíduos sólidos, que são determinantes para a redução dos impactos sociais e ambientais gerados por esse modelo de negócio, permitindo que as organizações estejam aptas para serem acreditadas como inovadoras e sustentáveis.

Diante do exposto, o software VGR se apresenta com excelente opção no que compete a sistemas de informação integrados para o gerenciamento adequado de resíduos sólidos. O software é capaz de auxiliar o empreendedor, uma vez que mantém todas as informações e documentos gerados automaticamente em um ambiente único e confiável.

Dessa forma, por meio da utilização do software VGR, é possível obter informações relevantes sobre o tipo de resíduo que está sendo gerado, as quantidades dos respectivos tipos de materiais, bem como realizar todo o acompanhamento da destinação final adequada de todos os resíduos gerados.

Por fim, neste artigo, você conheceu a Certificação B para empresas têxteis, além de entender a importância desse reconhecimento para a melhoria dos processos dessas organizações e para o fortalecimento da marca. Além disso, foram apresentados os benefícios de se obter esse reconhecimento para as empresas desse setor, com destaque para a melhoria contínua da operação, além da transparência e do relato adequado do desempenho social e ambiental da empresa.

Gostou desse assunto ou acha ele relevante? Compartilhe nas redes sociais ou deixe seu comentário abaixo.

Gestão ambiental

Compartilhe!


Curtiu este post?

Avaliação: 0.0/5