Impactos ambientais no Brasil: o que são, consequências e como diminuir?

Curtiu este post?

Avaliação: 0.0/5

26/01/2021

Impactos ambientais no Brasil: o que são, consequências e como diminuir?

Impacto ambiental é qualquer modificação, seja positiva ou negativa, causada no meio ambiente pela ação do homem. Os principais impactos ambientais no Brasil são a degradação do solo causado pela mineração, à poluição dos rios devido ao descarte incorreto do esgoto doméstico e industrial, a poluição do ar causada pelas empresas, à destruição da flora e fauna, o descarte incorreto de resíduos etc.. Para diminuir esses impactos é necessário implantarem as políticas de proteção ambiental. Neste artigo entenderemos melhor sobre os impactos ambientais no Brasil. Confira!

Os impactos ambientais no Brasil surgiram desde o desmatamento para extração do pau-brasil pelos portugueses durante a colonização. Os impactos começaram a se agravar entre 1930 e 1970, com a industrialização e urbanização. Contudo, no país as políticas ambientais demoraram a surgir. A primeira lei ambiental brasileira foi promulgada somente em 1981, com a Política Nacional de Meio Ambiente.

A proteção ambiental é princípio expresso na Constituição Federal (art 225), que dispõe sobre o reconhecimento do direito a um meio ambiente sadio como uma extensão ao direito à vida, seja pelo aspecto da própria existência física e saúde dos seres humanos, seja quanto à dignidade desta existência, medida pela qualidade de vida.

O direito a um meio ambiente preservado impõe ao Poder Público e à coletividade a responsabilidade pela proteção ambiental.

Veja abaixo o que abordaremos neste artigo:

O que são impactos ambientais?

O que são impactos ambientais?

A Resolução CONAMA nº 001 define impacto ambiental como qualquer alteração das propriedades físicas, químicas e biológicas do meio ambiente, causada por qualquer forma de matéria ou energia resultante das atividades humanas que, direta ou indiretamente, afetam:

I - a saúde, a segurança e o bem-estar da população; II - as atividades sociais e econômicas; III - a biota; IV - as condições estéticas e sanitárias do meio ambiente; V - a qualidade dos recursos ambientais.

Portanto, os impactos ambientais são por definição, todas possíveis modificações causadas no ambiente pelas operações da empresa. Relacionam-se às consequências, ou seja, aos danos ou efeitos que os aspectos ambientais causam ao meio ambiente.

Dentre os principais impactos ambientais causados pela atividade humana, principalmente pelas empresas, podemos citar a diminuição dos mananciais, extinção de espécies, inundações, erosões, poluição, mudanças climáticas, destruição da camada de ozônio, chuva ácida, agravamento do efeito estufa e destruição de habitats. Esses impactos acarretam no aumento do número de doenças na população e em outros seres vivos e afeta a qualidade de vida.

Gestão ambiental

Exemplos de impactos ambientais no Brasil

Abaixo citamos alguns exemplos de impactos ambientais.

Impactos da má gestão de resíduos sólidos para meio ambiente

Impactos da má gestão de resíduos sólidos para meio ambiente

A má gestão de resíduos sólidos de uma empresa pode contaminar o meio ambiente, trazendo impactos significativos para um grande grupo de pessoas e para o ecossistema. Na verdade a má gestão dos resíduos pode agir negativamente na saúde de todos, mesmo que seja no bairro, na rua ou na empresa.

É importante saber que os resíduos, estando bem protegidos e geridos, contribuirão para a preservação do meio ambiente, evitando assim os impactos socioambientais e à saúde pública.

Os resíduos sólidos sendo mal geridos causam poluição visual, poluição do solo, do ar e do lençol freático. Além disso, prejudica a saúde da população. Também, para as empresas que fazem uma gestão inadequada há o risco de sofrerem penalidades, por exemplo, multas ou paralisação de suas atividades.

A Lei nº 12.305/2010 estabelece a Política Nacional de Resíduos Sólidos (PNRS), que dá ênfase às responsabilidades as empresas pela correta gestão dos resíduos. A lei os auxiliam na implantação das diretrizes de gestão integrada, na qual, os elementos presentes possibilitam estratégias e procedimentos que busquem uma gestão responsável.

software online de emissão de mtr online

Poluição hídrica

A poluição ambiental é um das principais consequências dos impactos ambientais. Um potencial risco pela atividade humana é a poluição hídrica.

A poluição hídrica, por sua vez, é caracterizada pela introdução de qualquer agente que altere as propriedades físico-químicas de um determinado corpo de água.

Os principais causadores desse tipo de poluição são os efluentes industriais (produtos químicos, metais pesados), agrícolas (fertilizantes outros tipos de agrotóxico), o esgoto doméstico e o chorume oriundo da decomposição de resíduos.

O contato ou ingestão de uma água contaminada pode provar sérios danos à saúde tanto humana como da fauna próxima a esses corpos d’água. Sem contar que o odor torna o ambiente bem desagradável e a proliferação de microorganismo na água reduz ou até impede qualquer ser a sobreviver nesse ambiente.

Contaminação e degradação do solo

A poluição do solo é outra consequência da depredação do meio ambiente.

A contaminação consiste em qualquer mudança na natureza ou na composição da terra decorrente do seu contato com produtos químicos. A degradação consiste na remoção do solo para mineração ou agropecuária.

A contaminação e degradação são perigosas porque pode tornar a solo inútil e infértil, além de gerar riscos à saúde dos humanos, dos animais e das plantas.

Alagamentos e inundações em períodos de chuva

O descarte incorreto de resíduos provocam o entupimento das galerias de águas pluviais, que servem para escoar a água da chuva até córregos e riachos. Uma vez obstruídas por acúmulo do resíduo descartado nas ruas, elas impedem a passagem da água que retorna e provoca alagamentos e inundações.

Proliferação de endemias

O impacto ambiental podem gerar a proliferação de pragas e vetores de endemias e colocar em risco a saúde pública.

Impactos da mineração

Os principais impactos ambientais da mineração são:

  • poluição da água pelo descarte indevido dos rejeitos da mineração, além de contaminar a fauna e flora aquática;
  • poluição do ar a partir da queima de elementos tóxicos;
  • poluição sonora das instalações que afetam cidades urbanas;
  • afundamento gradativo da superfície da terra;
  • rejeitos radioativos.

Como diminuir os impactos ambientais?

Como diminuir os impactos ambientais?

A diminuição dos impactos ambientais depende do esforço coletivo do poder publico, sociedade e empresas. São necessárias desde medidas mais simples, do dia a dia, até ações mais complexas:

  • elaboração de uma legislação que protege o meio ambiente e fiscalização por parte do governo;
  • reflorestamento de áreas devastadas;
  • despoluição de corpos hídricos;
  • desenvolvimento e implementação de ações educativas para conscientizar a população sobre a importância da preservação do meio ambiente;
  • gestão eficiente de resíduos sólidos;
  • reciclagem;
  • uso racional de água e da energia;
  • utilização de produtos biodegradáveis e ecológicos;
  • entre outras.

Como implementar a gestão de resíduos corretamente e reduzir impactos ambientais?

Como implementar a gestão de resíduos corretamente e reduzir impactos ambientais?

Os impactos da má gestão dos resíduos sólidos, conforme apresentado acima, não são os únicos problemas. Há também as perdas econômicas, já que uma gestão incorreta pode levar a empresa a perder dinheiro em situações que ela poderia estar lucrando.

A gestão inadequada de resíduos deve ser atacada e extinta. Não só porque traz sérias consequências à saúde pública e ao meio ambiente, mas também por estar associado aos custos elevados com a destinação de resíduos.

Portanto, desenvolver uma gestão de resíduos eficiente pode parecer complicado, burocrático e até cansativo. Mas é fundamental para garantir o máximo reaproveitamento de todos os rejeitos, ainda aqueles com pouca viabilidade técnica ou econômica para a reciclagem (como os resíduos hospitalar, por exemplo).

Para as organizações, a gestão é essencial para evitar prejuízos financeiros, preservar a imagem e principalmente minimizar os impactos ambientais no Brasil, sociais e econômicos que suas atividades podem causar.

As empresas têm aderido ao software VG RESÍDUOS como uma ferramenta capaz de fazer a gestão eficiente de resíduos. O software centraliza as informações e possibilita uma gestão mais estratégica do processo.

A plataforma propicia o controle total da gestão de resíduos, com todas as informações em um ambiente único e confiável. Além disso, gera documentos automaticamente (MTR, FDSR, Ficha de Emergência etc.), ajuda a promover destinações limpas e melhora a eficiência das empresas na gestão dos seus resíduos.

Sendo assim, os impactos ambientais no Brasil causam sérios danos ao meio ambiente e à saúde. Para diminuir os impactos causados pelos resíduos sólidos o mínimo a fazer é investir em treinamentos e capacitações, assim como aquisição de equipamentos e custeio do sistema de manejo dos resíduos sólidos.

Gostou desse tema ou achou o assunto relevante? Deixe seu comentário abaixo ou compartilhe o conteúdo nas redes sociais.

Gerenciamento de resíduos

Compartilhe!


Curtiu este post?

Avaliação: 0.0/5